Ainda não começámos a pensar
                                               We have yet to start thinking
 Cinema e pensamento | On cinema and thought                                                                              @ André Dias

Um diálogo





O que é um diálogo? Uma pessoa atirada contra o limite do quadro, depois outra atirada contra o limite inverso, o corte que as une, e o espaço à volta, aberto, imenso, insuportável.
 
« HIPÓLOCO - E está bem. Que importa? Não vale a pena pensar nisso. Desses destinos nada resta.
SARPEDONTE - Resta a torrente, a escarpa, o horror. Restam os sonhos. Belerofonte não pode dar um passo sem chocar com um cadáver, um ódio, uma poça de sangue, desse tempo em que tudo acontecia e não eram sonhos. O seu braço nesse tempo pesava no mundo e matava. »
 
Como termina um diálogo? As pessoas em planos separados, de olhares plantados em direcções excêntricas, irredutíveis, por muito tempo.
«[...] Nefélia diz: “Tacteiam tudo de longe, com os olhos, as narinas, os lábios.” O fabrico do plano straubiano reside inteiramente numa prática do enquadramento que quebra esse longínquo, que ensina a “olhar de perto”, que torce o espaço homogéneo da contemplação paranóica [...]»

Serge Daney, «Une morale de la perception», La rampe

4 comentários:

Anónimo disse...

Fala –
Mas não separes o Não do Sim.
Dá à tua sentença igualmente o sentido:
dá-lhe a sombra.

Paul Celan, Sete rosas mais tarde

C. disse...

as vozes deles são muito belas :)

André Dias disse...

for andy

What is a dialog? One person pushed to the frame's edge, afterwards another pushed against the opposite edge, the cut that unites them, and space around, open, wide, unbearable.

(...)

How does a dialog end? People in separate shots, gazing at eccentric directions, irreducible, for a long time.

(...)

Andy Rector disse...

thank you andre,
"gazing at eccentric directions, irreducible, for a long time"
This is marvellous; the grand infinity into which the Straubs intermittently plunge us. The miracle and rift of cinema. The clarity and light, with the jagged solitude.


Arquivo / Archive